Monte um currículo incrível sem ter experiência


Monte um currículo incrível sem ter experiência

Monte um currículo incrível sem ter experiência

Você pode estar buscando um estágio, uma vaga efetiva, um trainee ou qualquer outra vaga, mas um desafio comum que encontramos no meio do caminho é: Se o currículo é um lugar para mostrar as minhas experiências, o que faço quando não tenho experiências?

Muitas pessoas entre 18 e 28 anos acham que possuem pouca ou nenhuma experiência profissional para a área desejada, mas nós acreditamos que acima de tudo, o maior problema é não reconhecer como as suas vivências podem ser consideradas úteis para o mercado de trabalho.

 Para isso, um bom exercício é pensar nos 3 ou 4 momentos marcantes da sua trajetória, que você teve um papel importante, realizou algo bacana ou aprendeu algo valioso. Aqui vão alguns exemplos:

  • Um projeto da faculdade que você adorou fazer
  • A participação em um negócio familiar
  • Um projeto voluntário
  • A atuação na organização da formatura ou Grêmio Escolar
  • “Bico” como vendedor, buffet de festas, etc.
  • Organização de um evento
  • Intercâmbio
  • Projeto de iniciação científica
  • Trabalhos de conclusão de curso (TCC)
  • Empresa júnior da faculdade

Uma coisa importante para ter em mente é que o currículo é uma forma de contar as suas realizações, transformações que você gera. E acredite, você gera transformação em qualquer lugar e situação. Ter uma experiência em empresas não é o único jeito de se aprender coisas novas e se desenvolver.

Ninguém espera que o candidato tenha experiência desde sempre, mas é importante que você reflita sobre suas vivências e encontre o valor de cada vivência.

O currículo é uma porta de entrada para a empresa. É uma forma de conhecer um pouco da sua trajetória e do impacto que você gerou por onde passou.

APRENDIZADOS AO FAZER O CURRÍCULO:

  • Às vezes, a insegurança de não ter experiência faz com que o candidato traga descrições muito curtas ou muito longas OU informações desnecessárias.
  • Não desvalorize as experiências que você já viveu, não importa se foi ajudando um negócio familiar ou trabalhando como vendedor de loja no final do ano. Procure olhar o que essa experiência te trouxe, o que te acrescentou.
  • Se possível, busque um estágio de férias ou trabalhos voluntários e inclua essas experiências
  • Invista em si mesmo – Hoje em dia a internet disponibiliza MUITOS cursos gratuitos. É importante estar ligado para aproveitar essas oportunidades. Veja um artigo recente aqui:
  • Cuidado com aspectos muito divergentes no CV, como cursos sobre “ datilografia” e “astrologia”.
  • Não coloque todos os cursos, palestras e eventos que já participou. Lembre-se que o currículo é estratégico e não adianta acumular tudo que já fez na vida.
  • Esqueça tópicos como “Perfil profissional”.

Exemplos reais de descrição:

Voluntariado junto à Prefeitura de Barueri-SP

– Qual o tipo de projeto? O projeto em conjunto com a Prefeitura de Barueri se chama Mayors Challenge, que desafia cidades a desenvolverem projetos que melhorem a vida das pessoas e a eficiência governamental

– O que foi o seu papel? Desenvolver um projeto sobre uma política pública de aumento da empregabilidade de pessoas com deficiência, aumentando a eficiência do processo de contratação e treinamento dos candidatos.

– Resultados obtidos – exemplo real: O projeto foi escolhido dentre as 290 cidades participantes como um dos 20 finalistas.

Participação em Entidades Estudantis

Principais realizações:

  • Projeto de melhoria da distribuição de água, cursos e avaliações da área da saúde
  • Responsável pela prospecção do projeto, comunicação entre equipe e comunidades e pesquisa de campo
  • Criação de rede agroecológica que conecta produtores e consumidores, com foco em um negócio sustentável

PERGUNTAS MAIS COMUNS DE UM CV COM POUCA EXPERIENCIA

  • O fato de ter 2 páginas é prejudicial? SIM, para um CV com pouca experiência, é muito recomendado deixar em 1 página.
  • É uma boa ideia ter a logo das empresas? NÃO precisa ter logo das empresas.
  • Quanto devo escrever nas descrições? Entre 1 a 4 tópicos sobre cada experiência
  • Devo incluir o tópico Qualificações/Habilidades citando “Organização”, “trabalho em equipe”? NÃO, você deverá incluir nos tópicos de cada experiência algo que seja relacionado a essas qualificações.
  • Seria melhor apresentar experiências que se enquadrem com a minha área de atuação ou devo colocar todas as experiências profissionais? Coloque maior ênfase nas experiências profissionais que fazem sentido para o que você busca e as oportunidades que forem mais antigas, avalie 2 vezes se deve ou não colocar no CV.
  • Em relação à descrição das experiências, como devo apresentar essa informação? Partindo de uma visão macro para uma visão micro e descrevendo suas principais responsabilidades ou projetos e resultados alcançados.

BAIXE O NOSSO MODELO DE CURRÍCULO:

Siga o passo a passo que preparamos para você, baixando nosso modelo de currículo para quem tem pouca/nenhuma experiência! Depois, deixe seus comentários, contando como está o seu currículo depois desse artigo!

·         Download do modelo de currículo – Seja Trainee

FONTE:ligadonafacul
Curta o Emprego-youcan no Facebook Facebook Emprego You Can